Buscar
  • Marketing

Como eliminar possíveis diferenças de valores durante todo o processo de recebimento na sua empresa

Atualizado: Jan 20

É preciso garantir que todos os itens vendidos foram creditados na conta corrente da empresa da forma adequada. Esta também é uma preocupação para você? Então, continue a leitura e saiba o que evitar quando o assunto é conciliação bancária!


Hoje em dia, uma empresa competitiva precisa oferecer ao cliente diversas modalidades de pagamento. Neste caso, os cartões de débito ou crédito, o dinheiro e até os meios digitais como aplicativos estão entre os principais meios disponibilizados.


Se para o cliente isso é uma vantagem, para a empresa pode virar uma dor de cabeça. Até porque, com as múltiplas formas de recebíveis que ela opera, a conciliação financeira se torna um desafio. Afinal, será preciso garantir que todos os itens vendidos foram creditados na conta corrente da empresa da forma adequada.


O que é conciliação de recebíveis?


Antes de nos aprofundarmos nesse conceito, queremos voltar na questão das modalidades de pagamento.


Para se ter uma ideia do volume transacionado com cartões de crédito, débito e pré-pago, somente em 2018, o valor passou de R$ 1,5 trilhão. Os dados são da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs).


Sua empresa provavelmente tem uma parcela neste montante. Isso porque, independentemente da modalidade, você já deve ter feito uma conciliação de recebimentos de tudo o que foi vendido por sua empresa.


A conciliação de recebíveis nada mais é do que a comparação entre o extrato bancário e as informações de controle financeiro interno da empresa. É a partir dela que o empreendedor coloca lado a lado as despesas, os recebimentos e o saldo disponível para possíveis aplicações.


Com ela, você verifica se as movimentações previstas foram realizadas e se os resultados encontrados apresentam ou não divergências. Quem recebe por meio de boletos, cartões de crédito ou débito, dinheiro físico, pagamentos digitais, entre outras, depende dessa tarefa para evitar prejuízos.


Na teoria, isso parece ser algo linear. Mas no dia a dia, não é bem assim!


Grande parte das empresas desconhece o sistema de conciliação bancária e sofre com a ausência de controle, o que impacta a gestão financeira e estrutural do negócio.


Ter previsibilidade é de extrema importância para que o empreendedor possa se planejar e pensar em possíveis investimentos. Sem essa ideia de projeção, o crescimento da empresa por vezes pode ser comprometido.

Métodos de conciliação


Há diversas maneiras de controlar os recebíveis. Assim, cada segmento de negócio usa aquilo que mais se adequa à sua realidade. Tem quem opte por métodos manuais e aqueles que preferem os automatizados.


Apesar de serem eficazes, as planilhas ainda fazem parte do escopo de ações manuais. Esse método costuma levar muito tempo. E, além disso, não é tão seguro ou preciso quanto os softwares, impactando negativamente na produtividade da área responsável e na acuracidade dos dados.


Já no caso do sistema de conciliação de recebíveis automático, há uma integração direta com as operadoras. Isso possibilita a análise completa, rápida e prática de todas as vendas, reduzindo o tempo gasto na atividade e não dando margem a erros.


Dificuldades enfrentadas na conciliação de pagamentos


Dependendo do tamanho da empresa, fazer a conciliação de contas é um grande desafio. O motivo é que algumas dificuldades podem surgir pelo caminho. Quando não se conhece direito a relação entre o que foi vendido e o que entrou na conta, o sinal de alerta deve acender rápido. Do contrário, todo o controle financeiro pode ser prejudicado.


Confira alguns dos problemas financeiros relacionados à conciliação:


Previsão de estornos


É um problema comum que, se for tratado com antecedência, permite um fluxo de caixa bem controlado, já que os estornos são informados pelo adquirente com quase 30 dias de antecedência.


Não acompanhamento das taxas


Não conhecer e não controlar as taxas por transação é um dos principais motivos para a busca de conciliação de recebíveis. Isso facilita os negócios e ajuda na definição do preço final do produto e no fechamento do caixa, já que os mesmos são influenciados diretamente pelas taxas aplicadas.


Falta de controle financeiro


Seja diário, semanal ou mensal, ele é imprescindível para o andamento dos negócios. Além disso, o acompanhamento constante do fluxo de transações permite a redução das perdas financeiras.


Com a solução Concilia 360º, todas essas dificuldades são sanadas. Além de conciliar as modalidades de recebíveis, ainda há uma unidade de BPO que, em caso de qualquer divergência, as trata e resolve uma a uma.

Ficou interessado? Clique aqui!


2 visualizações0 comentário

© 2020 por Trustion